Pressione ESC para fechar

Cláudia Barros

Cláudia Barros é licenciada em Arqueologia pela Universidade do Minho e encontra-se a terminar a sua dissertação de Mestrado, na mesma universidade, intitulada “O Olhar de Zurara sobre o Norte de Marrocos: estudo da paisagem e território de Ksar Sghir”. É colaboradora das revistas Egiptología 2.0 (Barcelona) e El Aldabón – Gaceta Interna del Museo Nacional de las Culturas del Mundo (México), e tradutora da Ancient History Encyclopedia, especialmente no âmbito da Assirologia e Egiptologia, a sua área de estudo e eleição.

Sabedoria Egípcia Escondida entre Hieróglifos e Papiros

Cláudia Barros 0 1048

Conhecemos o termo sophia desde os tempos da Grécia Antiga, e já na altura, o conceito conjugava em si quatro premissas basilares: conhecimento, ação, saber e virtude. Mas mais do que um conceito grego, a “sabedoria” traduz uma forma de conduta, de atuar e de agir de acordo com a ética. Atuar sabiamente era essencial. Possuir esta capacidade era um dom que equivalia a ter conhecimento de todas as coisas e a aplicá-las da melhor maneira, podendo-se assim contemplar a verdade camuflada do Mundo.

Continue lendo