Pressione ESC para fechar

Acrópole

As Formas Mentais e como se Dominam

Com a popularização do “Esoterismo” (Falácia: o Esotérico, ao vulgarizar-se e dar-se a conhecer a muitos não suficientemente provados, passa a ser “Exotérico”; o Esoterismo Real jamais será divulgado “aos sete ventos”) criou muitos conceitos e opiniões evidentemente deformadas e carentes de fundamento sólido, o que, com o tempo, beneficia somente o materialismo e ceticismo histórico e produz um crescente número de pessoas destroçadas psíquica e fisicamente pelos “aficionados” das chamadas Ciências Ocultas. Por isso vamos esclarecer alguns pontos fundamentais com uma intencionalidade puramente profilática.

O Rei Artur e o Aparecimento do Mito

No século VIII a.C., o poeta Homero apareceu na Grécia cantando eventos que ocorreram pelo me-nos quatro séculos antes da sua época. A Guerra de Tróia na “Ilíada” e os sofrimentos de Ulisses na “Odisseia” lançaram as bases para a cultura helénica.
Os romanos consideravam a Grécia como a sua «mãe», então, este espírito helenístico deu suporte, em parte, ao Império Romano. Se continuarmos a avançar no tempo, a cultura «ocidental» atual de-riva diretamente de Roma e, embora englobe amplamente a Europa e a América, no atual período de globalização todo o planeta a partilha. Homero, inspirado pelas Musas, encontra-se nas bases mais profundas do momento humano atual.