As aplicações espirituais da concentração

O egoísmo e egocentrismo, assim como o instinto de poder mal dirigido, faz-nos qualificar essas sombras com os atributos do poder do real conhecimento, isto é, como eterno, puro e fonte de felicidade, mas que a vida se encarregará de fazer cair essas máscaras mostrando com uma certa dose de sofrimento, não só para nós mas para o mundo que fomos tecendo à nossa volta.

Read more

Como a mente constrói e destrói a realidade

A Unidade é a presença do eterno em nós, o ponto de partida e o ponto de chegada da alma que regresse a casa. O mal e o sofrimento são a consequência da resistências do eu em colocar a sua luz sobre aquilo que permanece, o sofrimento nasce do contacto com o impermanente, o mérito e o desmérito são resultado das nossas acções pois a alegria segue o acerto e a dor a falta.

Read more

Os Shiva Sutras e a Ciência do Eu

O Eu é a consciência.
O conhecimento é o limite.
A matriz das origens, a ilusão é a ignorância, o corpo da acção.
O alfabeto, a mãe, é a causa, base do conhecimento.
Shiva, o terrível, a Grande Montanha é a sua trabalhosa elevação.
Dada a união dos círculos (chakra) de poder, todo, o universo inteiro, dissolve-se.
Os estados de vigília, sonho e sono profundo vivem unidos, estão destinados ao êxtase do quarto.
Conhecer é estar acordado.

Read more

O Sonho de Ravana

Neste livro o discurso filosófico é de uma profundidade que dá vertigem, mas ao mesmo tempo a linguagem é tão bela e delicada, tão amável e cheia de ternura, que nos dá a sensação de estar a ouvir uma sonata de Beethoven ou que somos outras vez crianças e um anjo nos leva pela mão por um mundo pletórico de novos significados.

Read more